Contabilidade para Restaurantes e Bares

A contabilidade para restaurantes e bares é tão importante quanto para qualquer outro modelo de negócio e você não deve negligenciar essas ações na sua empresa.

Segundo o Sebrae, 80% das empresas não costumam permanecer mais que isso no mercado. Entre os principais fatores estão a falta de controle financeiro.

Portanto, aqui apresentaremos o que precisa saber sobre o tema e como manter a contabilidade da sua empresa em dia.

Vamos lá?

O que é Contabilidade?

Contabilidade é o nome dado aos métodos, análises e cálculos feitos por profissionais formados que ajuda a gerenciar de maneira correta as riquezas de um negócio e mantê-los de acordo com a lei.

Portanto, trata-se de um método essencial para cuidar da saúde financeira da empresa e ajudar no crescimento, sem descumprir as normas fiscais.

Por que é importante fazer contabilidade para restaurantes e bares?

A contabilidade para restaurantes e bares são essenciais, pois, esse é um dos fatores que ajuda a empresa a se manter competitiva no mercado, controlando os gastos e investindo o retorno de maneira que aumente os lucros no médio e longo prazo.

Além disso, um bom gestor de contábil é capaz de ajudar o dono do negócio em diversas frentes, como:

  •       Pensar de maneiras estratégias em como ganhar mais e pagar menos de impostos, sem a necessidade de burlar a lei;
  •       Ajudar na escolha do melhor regime tributário;
  •       Encontrar o melhor momento de expandir o negócio.

Como fazer contabilidade para restaurantes e bares?

– Controle o fluxo de caixa:

A primeira coisa que precisa ser feita para controlar a contabilidade para restaurantes e bares é ter na ponta do lápis a entrada e saída do dinheiro.

Como se trata de um negócio que tem muitos pedidos diários, conseguir controlar o quanto de dinheiro está entrando e os custos da empresa, não é nada fácil, por isso, é preciso ter atenção.

– Monitore os resultados:

Com as anotações em dia, agora é o momento de garantir que ele não irá se fechar em menos de dois anos.

Para isso, monitore os resultados obtidos até o momento, controlando os indicadores, margem de lucro e custos extras.

Além disso, essa é uma alternativa para entender quais são os períodos do ano em que o restaurante ou bar vende, ajudando no planejamento.

– Avalie os detalhes sobre a contabilidade:

Para que você não pague mais impostos do que deve, fique de olho se o seu estado oferece benefícios fiscais ao seu setor.

Caso não tenha isenção fiscal, pode ser que o estado em que atua, ofereça um outro modelo de incentivo, como:

  •       Descontos em empréstimo;
  •       Folha trabalhista menor;
  •       Facilidade na hora de contratar e outros.

– Contrate uma empresa de contabilidade:

Se você é o dono do restaurante ou bar, é bem provável que não tenha tempo para ficar analisando números e verificando contribuições fiscais, né?

Para falar a verdade, não tiramos a sua razão, afinal de contas, as vendas são a alma do negócio e como gestor, o seu foco precisa ser no crescimento do negócio.

Para resolver isso, o ideal é contratar uma empresa de contabilidade responsável e que seja capaz e preparada para ajudá-lo a manter as contas em dia, mas sem tirar o pé do crescimento e expansão do negócio.

Clique aqui e entre em contato conosco.

Compartilhe

Pesquisar
Facebook
LinkedIn
Pinterest

Veja também

Galeria

Posts Relacionados

Veja abaixo mais Notícias para o seu negócio